sexta-feira, 27 de maio de 2011

Explicação da Sexualidade (CRIATIVIDADE!)

Recebi uma imagens por email, falando sobre a Explicação da Sexualidade com Criatividade e sem Pronografia para todos, de uma forma muito divertida até, as imagens são auto-explicativas e tem legenda própria, confiram e divirtam-se:
















































quinta-feira, 26 de maio de 2011

Cara Nova!


O blog foi renovado, agora está de cara nova e gostaria muito da presença de todos os leitores para comentar sobre o que acharam dessa novidade, não economizem nas palavras, podem ficar a vontade e se sentir em casa para dar suas opniões, críticas e sugestões.

Estamos mudando para melhor Conectar nossa Escrita com todos vocês, ainda não está 100% concluída a mudança, por isso é importante que todos opninem.

No mais, fico no aguardo de muitas conexões para saber de todos o que acham e sem mais para o momento deixo beijo para quem é de beijo e abraço para quem é de abraço!


=========================================================================


Infelizmente não deu certo a cara nova que havia colocado anteriormente, então resolvi retornar ao que era antes, para que assim possa fazer os devidos ajustes, aguardem que logo-logo estaremos de cara nova de verdade!!!


Enquanto isso vamos continuar com nossa leitura habitual e contínua, que para frente é que se anda, mudanças acontecerão, pois um dia elas hão de chegar e vamos rumo ao sucesso, conectados no futuro do presente, para fazer de hoje um amanhã mais agradável e melhor para todos nós!!!


=========================================================================


Agora sim, depois de uns pequenos ajustes e imprevistos (acontecem nas melhores famílias ou blogs hehehe) o seu blog Conectividade Escrita está de cara nova e definitiva (pelo menos por enquanto hehehe), mesmo assim quero que me digam o que acharam da cara nova do mais querido da web, estou esperando seus comentários.


P.S.: Só para explicar e deixar esclarecido que aquelas linhas de = que vocês vêem mais acima, são as divisórias das vezes que foi alterado para que vocês possam melhor ficarem Conectados nessas Escritas.


quinta-feira, 19 de maio de 2011

Os 10 Piores Alimentos para sua Saúde‏



Muito cuidado com sua alimentação, se quer ter uma vida saudável, recomendo ler o que se segue abaixo.
Recebi isso por email e quero compartilhar com todos vocês, porque "Saúde é o que interessa e o resto não pressa, ié ié" hehehe
Acredito que você NÃO econtrará nessa lista nada do que goste. hehehe

Nutricionista lista os 10 piores alimentos para sua saúde‏.

Que atire a primeira pedra quem não se rende a um fast food, salgadinho ou cachorro-quente e depois fica preocupado com as calorias que ingeriu. Mas o que pouca gente sabe é que os perigos desses alimentos vão muito além da questão estética e podem ser um risco para a saúde. Para esclarecer esses problemas, a nutricionista Michelle Schoffro Cook listou os dez piores alimentos de todos os tempos.

10º lugar: Sorvete
 
Apesar de existirem versões mais saudáveis que os tradicionais sorvetes industrializados, a nutricionista adverte que esse alimento geralmente possui altos níveis de açúcar e gorduras trans, além de corantes e saborizantes artificiais, muitos dos quais possuem neurotoxinas – substâncias químicas que podem causar danos no cérebro e no sistema nervoso.
.
9º lugar: Salgadinho de milho
De acordo com Michelle, desde o surgimento dos alimentos transgênicos a maior parte do milho que comemos é um “Frankenfood”, ou “comida Frankenstein”. Ela aponta que esse alimento por causar flutuação dos níveis de açúcar no sangue, levando a mudanças no humor, ganho de peso, irritabilidade, entre outros sintomas. Além disso, a maior parte desses salgadinhos é frita em óleo, que vira ranço e está ligado a processos inflamatórios.

8º lugar: Pizza
Michelle destaca que nem todas as pizzas são ruins para a saúde, mas a maioria das que são vendidas congeladas em supermercados está cheia de condicionadores de massa artificiais e conservantes. Feitas farinha branca, essas pizzas são absorvidas pelo organismo e transformadas em açúcar puro, causando aumento de peso e desequilíbrio dos níveis de glicose no sangue.
7º lugar: Batata frita
Batatas fritas contêm não apenas gorduras trans, que já foram relacionadas a uma longa lista de doenças, como também uma das mais potentes substâncias cancerígenas presentes em alimentos: a acrilamida, que é formada quando batatas brancas são aquecidas em altas temperaturas. Além disso, a maioria dos óleos utilizados para fritar as batatas se torna rançosa na presença do oxigênio ou em altas temperaturas, gerando alimentos que podem causar inflamações no corpo e agravar problemas cardíacos, câncer e artrite.

6 lugar: Salgadinhos de batata
Além de causarem todos os danos das batatas fritas comuns e não trazerem nenhum benefício nutricional, esses salgadinhos contêm níveis mais altos de acrilamida, que também é cancerígena.

5º lugar: Bacon
Segundo a nutricionista, o consumo diário de carnes processadas, como bacon, pode aumentar o risco de doenças cardíacas em 42% e de diabetes em 19%. Um estudo da Universidade de Columbia descobriu ainda que comer 14 porções de bacon por mês pode danificar a função pulmonar e aumentar o risco de doenças ligadas ao órgão.

4º lugar: Cachorro-quente
Michelle cita um estudo da Universidade do Havaí, que mostrou que o consumo de cachorros-quentes e outras carnes processadas pode aumentar o risco de câncer de pâncreas em 67%. Um ingrediente encontrado tanto no cachorro-quente quanto no bacon é o nitrito de sódio, uma substância cancerígena relacionada a doenças como leucemia em crianças e tumores cerebrais em bebes. Outros estudos apontam que a substância pode desencadear câncer colorretal.

3º lugar: Donuts (Rosquinhas)
Entre 35% e 40% da composição dos donuts é de gorduras trans, “o pior tipo de gordura que você pode ingerir”, alerta a nutricionista. Essa substância está relacionada a doenças cardíacas e cerebrais, além de câncer. Para completar, esses alimentos são repletos de açúcar, condicionadores de massa artificiais e aditivos alimentares, e contém, em média, 300 calorias cada.

2º lugar: Refrigerante
Michelle conta que, de acordo com uma pesquisa do Dr. Joseph Mercola, “uma lata de refrigerante possui em média 10 colheres de chá de açúcar, 150 calorias, entre 30 e 55 mg de cafeína, além de estar repleta de corantes artificiais e sulfitos”. “Somente isso já deveria fazer você repensar seu consumo de refrigerantes”, diz a nutricionista.
Além disso, essa bebida é extremamente ácida, sendo necessários 30 copos de água para neutralizar essa acidez, que pode ser muito perigosa para os rins. Para completar, ela informa que os ossos funcionam como uma reserva de minerais, como o cálcio, que são despejados no sangue para ajudar a neutralizar a acidez causada pelo refrigerante, enfraquecendo os ossos e podendo levar a doenças como osteoporose, obesidade, cáries e doenças cardíacas.


1º lugar: Refrigerante Diet / Light / Zero
“Refrigerante Diet é a minha escolha para o Pior Alimento de Todos os Tempos”, diz Michelle. Segundo a nutricionista, além de possuir todos os problemas dos refrigerantes tradicionais, as versões diet contêm aspartame, que agora é chamado de AminoSweet. De acordo com uma pesquisa de Lynne Melcombe, essa substância está relacionada a uma lista de doenças, como ataques de ansiedade, compulsão alimentar e por açúcar, defeitos de nascimento, cegueira, tumores cerebrais, dor torácica, depressão, tonturas, epilepsia, fadiga, dores de cabeça e enxaquecas, perda auditiva, palpitações cardíacas, hiperatividade, insônia, dor nas articulações, dificuldade de aprendizagem, TPM, cãibras musculares, problemas reprodutivos e até mesmo a morte.
“Os efeitos do aspartame podem ser confundidos com a doença de Alzheimer, síndrome de fadiga crônica, epilepsia, vírus de Epstein-Barr, doença de Huntington, hipotireoidismo, doença de Lou Gehrig, síndrome de Lyme, doença de Ménière, esclerose múltipla, e pós-pólio. É por isso que eu dou ao Refrigerante Diet o prêmio de Pior Alimento de Todos os Tempos”

  

Xenofobia x Preconceito x Discriminação

Depois de ver algumas matérias sobre o assunto na televisão e presenciar acontecimentos sobre os assuntos nas redes sociais, resolvi postar um pouco sobre para esclarecer mais nossas mentes.


Xenofobia é comumente associado a aversão a outras raças e culturas. É também associado à fobia em relação a pessoas ou grupos diferentes, com os quais o indivíduo que apresenta a fobia habitualmente não entra em contato ou evita fazê-lo.
Atitudes xenofóbicas incluem desde o impedimento à imigração de estrangeiros ou de pessoas pertencentes a diferentes culturas e etnias, consideradas como ameaça, até a defesa do extermínio desses grupos. Por esta razão a xenofobia tende a ser normalmente associada a preconceitos étnicos ou ligados a nacionalidade. Estereótipos pejorativos de grupos minoritários (por exemplo: "asiáticos são sujos", "muçulmanos são violentos", "negros são menos inteligentes", "europeus do norte são superiores aos europeus do sul", "povos anglo-saxões são superiores aos povos latinos", etc.) e conflitos de crenças podem levar um indivíduo ao ódio.


Xenofobia como doença
Em senso mais restrito, xenofobia é o medo excessivo e descontrolado do desconhecido. Neste sentido, é uma doença e insere-se no grupo das perturbações fóbicas, caracterizadas por ansiedade clinicamente significativa, provocada pela exposição a uma situação ou objeto temido (neste caso, as pessoas ou situações estranhas ao doente). Pessoas que apresentam este terror persistente, irracional, excessivo e reconhecido como tal, tendem a evitar o contato com estranhos uma vez que esta situação lhes provoca extrema angústia, ansiedade, aumento da tensão arterial e da frequência cardíaca. Nos casos mais graves pode, inclusive, motivar um ataque de pânico. O evitamento, antecipação ansiosa ou mal-estar em relação à situação temida, interfere significativamente com as rotinas normais da pessoa, o exercício ocupacional, os relacionamentos e atividades sociais.


Tratamento
Para o tratamento da xenofobia são normalmente utilizados os métodos da terapia comportamental. O princípio desta terapia no que concerne às fobias, é o da exposição ao objecto ou situação fóbica. No caso particular da xenofobia, será a exposição do doente a situações estranhas que ativam sua fobia. Assim sendo, o sujeito vai descobrir que tal situação aterrorizadora, não representa qualquer perigo ou ameaça como ele imaginava. Para tanto, o sujeito deve aprender determinadas técnicas para lidar com a ansiedade ou angústia que sente em relação ao encontro com pessoas desconhecidas. De todos os métodos comportamentais, a dessensibilização sistemática parece ser o que melhor resulta no tratamento da xenofobia, uma vez que a exposição à situação ou objecto fóbico é gradual.
A técnica de dessensibilização sistemática foi desenvolvida entre 1952 e 1958 por Joseph Wolpe, psiquiatra sul-africano defensor da terapia comportamental. O doente, durante um estado de relaxamento físico, vai imaginar uma hierarquia de situações que lhe provocam ansiedade, com o objectivo de familiarizar-se com elas e, ao mesmo tempo, com a finalidade de reduzir as respostas ansiosas. Em alguns casos mais graves é habitual a administração de medicamentos que tenham por objectivo principal a diminuição da ansiedade extrema, uma vez que esta impede que se realizem as sessões terapêuticas de uma forma eficaz. Em outros casos, pode-se desenvolver crenças irracionais (geralmente preconceituosas), pelo que também é recomendado que se busquem estratégias cognitivas que trabalhem tais crenças.






Preconceito (prefixo pré- e conceito) é um "juízo" preconcebido, manifestado geralmente na forma de uma atitude "discriminatória" perante pessoas, lugares ou tradições considerados diferentes ou "estranhos". Costuma indicar desconhecimento pejorativo de alguém, ou de um grupo social, ao que lhe é diferente. As formas mais comuns de preconceito são: social, "racial" e "sexual".
De modo geral, o ponto de partida do preconceito é uma generalização superficial, chamada "estereótipo". Exemplos: "todos os alemães são prepotentes", "os americanos formaram grandes grupos arrogantes", "todos os ingleses são frios". Observar características comuns a grupos são consideradas preconceituosas quando entrarem para o campo da agressividade ou da discriminação, caso contrário reparar em características sociais, culturais ou mesmo de ordem física por si só não representam preconceito, elas podem estar denotando apenas costumes, modos de determinados grupos ou mesmo a aparência de povos de determinadas regiões, pura e simplesmente como forma ilustrativa ou educativa.
Observa-se então que, pela superficialidade ou pela estereotipia, o preconceito é um erro. Entretanto, trata-se de um erro que faz parte do domínio da crença, não do conhecimento, ou seja ele tem uma base irracional e por isso escapa a qualquer questionamento fundamentado num argumento ou raciocínio.
Os sentimentos negativos em relação a um grupo fundamentam a questão afetiva do preconceito, e as ações, o fator comportamental. Segundo Max Weber (1864-1920), o indivíduo é responsável pelas ações que toma. Uma atitude hostil, negativa ou agressiva em relação a um determinado grupo, pode ser classificada como preconceito. Enfim, não ter preconceito é possuir a Lei de Mendel.






Discriminar significa "fazer uma distinção". Existem diversos significados para a palavra, incluindo a discriminação estatística ou a actividade de um circuito chamado discriminador. O significado mais comum, no entanto, tem a ver com a discriminação sociológica: a discriminação social, racial, religiosa, sexual, por idade ou nacionalidade, que podem levar à exclusão social e são o assunto deste artigo.


Situação legal no Brasil
O direito ao trabalho vem definido na Constituição Federal como um direito social, sendo proibido qualquer tipo de discriminação que tenha por objetivo reduzir ou limitar as oportunidades de acesso e manutenção do emprego.
A Convenção 111 da Organização Internacional do Trabalho considera discriminação toda distinção, exclusão ou preferência que tenha por fim alterar a igualdade de oportunidade ou tratamento em matéria de emprego ou profissão. Exclui aquelas diferenças ou preferências fundadas em qualificações exigidas para um determinado emprego.
Há duas formas de discriminar: a primeira, visível, reprovável de imediato e a segunda, indireta, que diz respeito a prática de atos aparentemente neutros, mas que produzem efeitos diversos sobre determinados grupos.
A discriminação pode se dar por sexo, idade, cor,ou racismo estado civil, religião, ou por ser a pessoa, portadora de algum tipo de deficiência. Pode ocorrer ainda, simplesmente porque o empregado propôs uma ação reclamatória, contra um ex-patrão ou porque participou de uma greve. Discrimina-se, ainda, por doença, orientação sexual, aparência, e por uma série de outros motivos, que nada têm a ver com os requisitos necessários ao efetivo desempenho da função oferecida. O ato discriminatório pode estar consubstanciado, também, na exigência de certidões pessoais ou de exames médicos dos candidatos a emprego.
A legislação brasileira considera crime o ato discriminatório, como se depreende das leis 7.853/89 (pessoa portadora de deficiência), 9.029/95 (origem, raça, cor, estado civil, situação familiar, idade e sexo) e 7.716/89 (raça ou cor).
O Ministério Público do Trabalho do Brasil, no desempenho de suas atribuições institucionais tem se dedicado a reprimir toda e qualquer forma de discriminação que limite o acesso ou a manutenção de postos de trabalho. Essa importante função é exercida preventiva e repressivamente, através de procedimentos investigatórios e inquéritos civis públicos, que podem acarretar tanto a assinatura de Termos de Compromisso de Ajustamento de Conduta, em que o denunciado se compromete anão mais praticar aquele ato tido como discriminatório, como a propositura de Ações Civis. Atua também perante os Tribunais, emitindo pareceres circunstanciados, ou na qualidade de custus legis, na defesa de interesse de menores e incapazes, submetidos a discriminação.


Discriminação vs. preconceito
Na esfera do direito, a Convenção Internacional sobre a eliminação de todas formas de Discriminação Racial, de 1966, em seu artigo 1º, conceitua discriminação como sendo: “Qualquer distinção, exclusão ou restrição baseada em raça, cor descendência ou origem nacional ou étnica que tenha o propósito ou o efeito de anular ou prejudicar o reconhecimento, gozo ou exercício em pé de igualdade de direitos humanos e liberdades fundamentais nos campos político, económico, social, cultural ou em qualquer outro domínio da vida pública.”
Deve-se destacar que os termos discriminação e preconceito não se confundem, apesar de que a discriminação tenha muitas vezes sua origem no simples preconceito.[1]
Ivair Augusto Alves dos Santos afirma que o preconceito não pode ser tomado como sinónimo de discriminação, pois esta é fruto daquele, ou seja, a discriminação pode ser provocada e motivada por preconceito. Diz ainda que: Discriminação é um conceito mais amplo e dinâmico do que o preconceito. Ambos têm agentes diversos: a discriminação pode ser provocada por indivíduos e por instituições e o preconceito, só pelo indivíduo. A discriminação possibilita que o enfoque seja do agente discriminador para o objecto da discriminação. Enquanto o preconceito é avaliado sob o ponto de vista do portador, a discriminação pode ser analisada sob a óptica do receptor.


Fonte da Pesquisa: http://pt.wikipedia.org/
Imagens retiradas da internet.


Coisas Para se Fazer Antes dos 30 Anos



Recebi essa lista por email e também a achei em diversos blogs, resolvi postar aqui também (espero que não me comprometa, não darei detalhes de nada) hehehe


Eis a extensa lista de afazeres:


– Ficar absurdamente bêbado pelo menos 1 vez na vida; ok
– Encontrar alguém da Net pessoalmente; ok
– Ficar com alguém que conheceu na Net; ok
– Agarrar um amor platônico; ok
– Se apaixonar a primeira vista; ok
– Roubar o namorado de alguém; ok
– Furtar chocolate nas lojas Americanas; ok
– Ir p/ balada d ônibus; ok
– Subir num palco e dançar igual louco; +ou-
– Transar num lugar publico; ok
– Fingir ser estrangeiro e falar um idioma que ñ existe; ok
– Pintar o cabelo de uma cor absurda; ok
– Fazer uma Tatoo; ok
– Ter o melhor sexo da sua vida; ok
– Ir a um show d rock e ficar gritando: 'CANTA PAGODE/FUNK/SERTANEJO'; ainda não
– Voltar da balada e dormir com a roupa que saiu; ok
– Se jogar na piscina de roupa; ok
– Se jogar na piscina sem roupa; ok
– Fugir de casa p/ sempre e voltar no outro dia; ainda não
– Ir numa boate gay; ainda não
– Passar uma semana a base de sorvete e chocolate; ainda não
– Tomar banho de praia a noite; ok
– Ter um peixe e conversar com ele; +ou-
– Encontrar um ídolo; ok
– Sacanear um desconhecido; ok
– Chorar vendo um desenho; ok
– Compor uma música; +ou-
– Viajar sozinho; ok
– Chorar d tanto rir; ok
– Jogar uma bomba no vizinho; ok
– Encontrar um amor; ok
– dizer EU TE AMO; ok
– Plantar uma árvore; ok
– Ir numa cartomante; ainda não
– Fazer alguma coisa útil para uma obra de caridade; ainda não
– Cozinhar para alguém; ok
– Publicar um livro só meu; +ou-
– Fazer Yoga, Shiatsu, Reike. qualquer uma dessas coisas ou todas essas coisas; ainda não
– Escrever uma peça de teatro; ainda não
– Ter um site sobre alguma coisa muito legal; ok
– Sair num mochilão sem destino; ainda não
– Fazer um cruzeiro; ainda não
– Fazer aula de uma língua que nunca estudei; ok
– Praticar alguma arte marcial; ok
– Mandar flores para alguém; ok
– Fazer terapia; ainda não
– Esquiar; ainda não
– Experimentar todos os lanches da McDonald's ou Bob’s; ok
– Assistir um Clássico do Futebol de sua cidade do meio da Torcida Organizada; ainda não
– Aprender a dançar forró; +ou-
– Viajar para outra cidade e ver um show da banda preferida; ok
– Organizar uma festa à fantasia; ainda não
– Ver o sol se por; ok
– Ver o sol nascer; ok
– Encher um porquinho de moedas; ok
– Ler todos os livros de que tenho e os que não ainda não tenho e gosto; ainda não
– Aprender a fazer massagem; ok
– Digitalizar todas as gravações em VHS feitas da minha infância; +ou-
– Ir para a praia de maiô / bikini / sunga sem roupas cobrindo; ok
– Fazer um curso à distância ou pela internet; ok
– Beber uma garrafa de tequila; ainda não
– Transar com um dos suas melhores amigas; ok
– Pular de bumg jump; ainda não
– Matar aula pra ir no buteco; ok
– Passear sem calcinha / cueca; ok
– Ficar com alguem 10 anos mais velho que vc; ok
– Ficar com alguem 10 anos mais novo que vc; ainda não
– Sair de casa na sexta a noite e voltar na segunda de manha; ok
– Ir a praia de nudismo; ainda não
– Ficar com sua professora; ok
– Usar a melhor roupa casualmente; ok
– Sair com a melhor amiga do sua ex; ok
– Ir parar na delegacia; ok
– Beber ate ter amnésia alcoólica; ok
– Aprender a tocar algum instrumento; ok
– Ter um diário secreto; ok
– Beijar um passante; ainda não
– Ir numa formatura de short e chinelo; ainda não
– Pegar carona com desconhecido; ok
– Dormir na rua; ok


Como (contando de hoje) me faltam 1 ano e 6 meses, tenho que correr para completar todas as tarefas né? :P
Boa sorte a quem for tentar também!


P.S.: Quando terminar meu prazo, se não tiver concluído talvez prorrogarei o prazo hehehe






terça-feira, 10 de maio de 2011

Postura Correta no PC

Como você faz para saber se está na postura certa quando está usando o PC?


A tecnologia nos trouxe muita comodidade e o computador está presente em todos os ambientes de trabalho e nos lares. Estas dicas servem para orientar o bom uso desta ferramenta que muito nos facilita a vida. No entanto, se adotarmos posturas inadequadas em frente ao micro, poderemos ter conseqüências desagradáveis na nossa coluna e articulações.

Aqui vai um vídeo e algumas imagens explicativos, que vai demonstrar à todos como se comportar, para não se prejudicar e ficar com dores musculares e na coluna.


 E agora vão mais algumas dicas em imagens para frisar ainda mais a forma correta de se posicionar diante do PC, principalmente em casa.

Mantenha o topo da tela do vídeo ao nível dos olhos e a distância certa de um comprimento de um antebraço.Mantenha a cabeça e pescoço em posição reta e ombros relaxados.
Vídeo na altura dos olhos e a cerca de um antebraço de distância ou 45 cm a 70 cm.
Mantenha o antebraço, punho e mãos em linha reta (posição neutra do punho) em relação ao teclado.Mantenha o cotovelo junto ao corpo num ângulo de 90º.
Mantenha a região lombar apoiada no encosto da cadeira ou no suporte das costas.Mantenha um espaço entre a dobra do joelho e a extremidade final da cadeira.
Mantenha ângulo de 90º para as dobras do joelho e do quadril.
Mantenha os pés apoiados no chão ou use um descanso para os pés.
Mantenha o mouse e outros acessórios próximos ao teclado e no mesmo plano.
Mantenha o documento próximo ao monitor e no mesmo plano visual, nos trabalhos de digitação.Não torcer o pescoço.
Monitor não deve estar nem muito alto, nem muito baixo.
Utilize apoio para os punhos (é importante para ajudar você a manter-se na posição neutra).Quando for movimentar o mouse, movimente somente o mouse e não o punho, evitando fazer movimentos para os lados com o punho.
Quando for teclar observe as mesmas recomendações dos cuidados com o mouse.
Eis agora alguns possíveis defeitos na utilização da má postura:
  • Dor no pescoço, costas, braços, antebraços e punhos.
  • Sensação de cansaço, desconforto.
  • Problemas de saúde (LER / DORT).
  • Limitações de movimento.
  • Perda da qualidade de vida.

A melhor e mais barata maneira de evitar estes problemas e sempre cuidar de sua postura diariamente isso pode significar um dia mais produtivo, mais confortável e sua coluna agradece.
Espero ter ajudado vocês a corrigirem e melhorarem sua postura, pelo menos quando estiverem em suas casas à frente do PC.

recebi emails dizendo que esse vídeo estava dando erro no pc de alguns leitores e resolvi colocar o do youtube lá em cima.
video




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...